Grácio Editor

Adriana do Carmo Figueiredo

Doutora em Estudos Linguísticos pela Universidade Federal de Minas Gerais (2020), área de concentração Linguística do Texto e do Discurso, linha de pesquisa desenvolvida na tese Análise do Discurso. Sua tese de doutoramento «Narrativas de vida de Antígona (Sófocles), Sor Juana e Olympe de Gouges: a Justiça no divã da Análise do Discurso» recebeu as seguintes premiações: Prêmio André Berten, pelo primeiro lugar no concurso de teses e dissertações, concedido pela Rede Interdisciplinar de Estudos sobre Violências (RIEV) e Prêmio Ana María Harvey 2021, concedido pela Associação Latino-americana de Estudos do Discurso (ALED). Possui Mestrado em Estudos Literários pela Universidade Federal de Minas Gerais (2004) e Graduação em Letras / Licenciatura Plena - Inglês e Espanhol - também pela Universidade Federal de Minas Gerais (1995). Com mais de 25 anos de docência na Educação Básica, Profissional, no Ensino Superior e na Pós-graduação, é advogada inscrita na OAB-MG, especialista em Direito Constitucional (UCAM, 2014), docente na Fundação CEFET-Minas e nos cursos de graduação em Direito e Pós-graduação do IESLA/ESJUS. É também docente voluntária do Programa Português como Língua Estrangeira (PLE) vinculado à Secretaria de Relações Internacionais (SRI) e ao Departamento de Linguagem e Tecnologia (DELTEC) do CEFET-MG. Tem experiência internacional na Facultad de Derecho da Universidad de Buenos Aires (UBA) no Doutorado em Direito Constitucional, cátedra Raúl Gustavo Ferreyra. Atua como docente e pesquisadora nas seguintes áreas: Ensino de Línguas Estrangeiras Espanhol e Inglês, Língua Portuguesa, Metodologia de Ensino, Políticas Públicas Educacionais, Teoria Social com ênfase em Habermas, Estudos Linguísticos e Literários, ênfase na Semiolinguística e nas Teorias da Argumentação, Direitos Humanos, Bioética, Direito Constitucional e Hermenêutica Jurídica.

Livros do autor